V Semana do Meio Ambiente do Cariri Oriental

  • 12 de Junho de 2019

Aconteceu entre os dias 4 e 7 de junho a Quinta Semana do Meio Ambiente do Cariri Oriental. O evento em Brejo Santo no Ceará, teve como tema "Educação Ambiental e Multiculturalidade". A rodada de encontros contou com palestrantes indígenas, ecoativistas, agrônomos e (como não podia faltar) Cidadanistas! todos juntos e misturados com o objetivo de aprender sobre as técnicas milenares de cultivo dos primeiros povos da América do Sul. O evento contou com palestras, minicursos, laboratórios e até apresentações artísticas e culturais organizadas pelas populações nativas.

Os povos convidados foram os Xucurus, Pankarás Trukas, Pankararus, Kariris e Potiguaras. O espaço de debate permitiu a troca de saberes entre as tribos e todos os presentes. E a troca não foi apenas de ideias, mas também de expressões: apresentações artísticas e culturais foram marca do evento.

O raizeiro e engenheiro José Arthur Padilha, representou os Cidadanistas, na mesa redonda “Práticas para Cultura da Sustentabilidade”, estavam presentes também Willian Vilela que participou da organização e Wellington Santana do Círculo Regional de Arco Verde (PE). Por ocorrer após as palavras de tantas representações nativas a mesa permitiu a reflexão sobre todo o ocorrido, e o reforço da filosofia ancestral do Bem Viver como valor fundamental na construção da RAiZ Cidadanista.

Além de debater a questão agrícola, o evento também lançou o Laboratório de Estudos Urbanos, Sustentabilidade e Políticas Públicas (LAURBS) – grupo de pesquisa interdisciplinar da UFCA, que busca compreender como o meio ambiente e o espaço urbano interagem, e quais medidas públicas podem ser tomadas para garantir o direito à cidade e ao meio ambiente.

No geral, foi uma grande troca de culturas e de saberes, pontuada pela diversidade de tribos, povos e movimentos. Foi também resistência. Frente à crise ambiental e civilizatória que vivemos, um show sobre as técnicas mais avançadas (e tradicionais) de agronomia e civilização, promovido por quem realmente entende disso: os primeiros povos. Presente inestimável daqueles que sabem que o mundo não é dado pelos nossos pais, mas emprestado dos nossos filhos.


Compartilhe esse artigo:

Últimas notícias


Dez anos de retomadas quilombolas

  • 29 de Dezembro de 2017

No Espírito Santo, áreas usurpadas para o plantio do monocultivo de eucalipto foram retomadas por comunidades quilombolasLeia mais




Como Medellin usou a cultura para combater a violência

  • 28 de Dezembro de 2017

Confira na íntegra a entrevista exclusiva do ex-secretário de cultura da cidade Jorge Melguizo para a revista CidadanistaLeia mais




Raiz realiza oitava Teia Nacional

  • 27 de Novembro de 2017

Confira os resultados do oitavo encontro nacional da Raiz - Movimento Cidadanista, realizado em São Paulo.Leia mais

Princípios da RAiZ

UBUNTU

“Eu sou porque você é”, “nós somos porque você é e eu sou”. Importante é a dignidade de todas as pessoas.

Leia mais

TEKO PORÃ

Somos “parte” da natureza e, para nossa própria sobrevivência como espécie, há que romper de uma vez por todas com a ideia de que podemos continuar vivendo “à parte” da natureza.

Leia mais

ECOSSOCIALISMO

Não temos o direito de seguir roubando o futuro dos que estão por vir. Para reverter este processo, o único caminho é a Revolução Ecológica.

Leia mais

CONSENSO PROGRESSIVO

Você sabe o que é Consenso Progressivo ? Veja aqui o GUIA que preparamos.

Leia mais

Entre em contato

© 2019. «Raiz Cidadanista».